Professores são muitos, educadores mestres são poucos; professores ensinam o que sabem; mestres ensinam o que sabem a que quer saber dividindo a sabedoria; o professor transmite conhecimentos feito no computador aos seres humanos; os mestres transmitem conhecimentos vindo do seu coração e usam o computador para automatizar seu ensino aos seres humanos; um professor sem sentimentos parece um computador; o mestre é como um computador, porém com sentimentos e afetos; o professor torna-se cada dia mais “onisciente”, sabe tudo de todas as formas; os mestres a cada dia entendem que precisam aprender mais e mais; o professor se orgulha de ter sido importante para o aluno na sala; o mestre entende que ele foi um canal de colaboração para o verdadeiro sucesso do pupilo; o professor “patrão” se serve dos alunos; o mestre se coloca a serviço dos discípulos; o professor usa a matéria para dar aula; o mestre usa a vida para dar a disciplina; o professor entende que seu conhecimento é cumulativo, somativo; o mestre entende que seu conhecimento precisa multiplicar-se.

Enfim, o professor se contenta em cobrar o que vai cair na prova, o mestre desperta a vontade dos aprendizes de aprender para o resto da vida.

Prof. Fabio N. Miranda

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*